Ronaldo investe em porcelanas portuguesas – compra 10% da Vista Alegre

Capitão da seleção vai ajudar a expandir Vista Alegre nos mercados do Médio Oriente e asiático. Retalho e hotelaria em foco.

O ano em que a Vista Alegre celebra 200 anos de vida é marcado com a entrada de um novo investidor português: o craque de futebol Cristiano Ronaldo adquiriu 10% do capital da Vista Alegre Atlantis, um investimento avaliado em cerca de 17 milhões de euros. Assim, Ronaldo fica acionista da empresa de porcelanas portuguesa e vai ajudar a expansão das marcas em vários mercados do Médio Oriente e asiático, tanto no retalho, como na hotelaria.

Classificado pela revista Forbes como o atleta mais bem pago do mundo em 2023, Cristiano Ronaldo, o jogador de 39 anos, conta com um portfólio de investimentos diversificado, passando pela hotelaria, comunicação social, estética e, mais recentemente, pelas porcelanas, movimentando milhões por ano fora dos relvados.

Foi na passada sexta-feira, dia 14 de junho, que a Vista Alegre revelou que o craque português entrou no capital da empresa. “Cristiano Ronaldo, um dos melhores jogadores de sempre da história do futebol mundial, e a personalidade portuguesa mais conhecida e admirada em todo o mundo, adquiriu através da CR7, SA, e em alinhamento estratégico com o Grupo Visabeira, 10% do capital da Vista Alegre Atlantis SGPS e acordou adquirir, em operação a concretizar nos próximos dias, 30% do capital da Vista Alegre Espanha”, lê-se em comunicado enviado às redações.

Tendo em conta o preço de fecho das ações na sexta-feira, a posição adquirida pelo jogador de futebol madeirense na Vista Alegre (10%) está avaliada 17,3 milhões de euros, escreve o ECO.

Paralelamente, o capitão da seleção portuguesa de futebol e a Vista Alegre anunciaram a criação, “em partes iguais”, de uma empresa no Médio Oriente e Ásia, tendo por objetivo fazer crescer as marcas Vista Alegre e Bordallo Pinheiro naqueles mercados. Esta colaboração vai ajudar a acelerar o processo de expansão global das marcas no segmento de/luxo em vários mercados internacionais, tanto no retalho como na hotelaria premium.

“A Vista Alegre e a Bordallo Pinheiro são marcas pelas quais sempre tive uma grande admiração e das quais sou cliente assíduo. A possibilidade de apoiar a estratégia de globalização da marca Vista Alegre, como marca de lifestyle de luxo, é um orgulho para mim enquanto português”, afirmou Cristiano Ronaldo citado no documento. Com esta parceria, será possível “promover este ícone nacional de excelência e colocá-lo no patamar das melhores marcas do mundo”, disse ainda o jogador que se prepara para a sexta participação no campeonato na Europa.

Por sua parte, Fernando Campos Nunes, fundador e acionista do Grupo Visabeira, detentor do Grupo Vista Alegre Atlantis, revela “é com grande entusiasmo que recebemos Cristiano Ronaldo como nosso investidor”, admitindo que o capitão da seleção nacional de futebol “consegue levar o nome do nosso país aos lugares mais recônditos da terra, com uma imagem de trabalho, dedicação, simpatia e muito talento”.

Este negócio entre Ronaldo e a Vista Alegre surge numa altura em que a marca portuguesa, fundada em 1824, comemora os seus 200 anos de existência, marcados pela produção de porcelana, cristal e vidro feito à mão. Só em 2023, o Grupo Vista Alegre totalizou 129,6 milhões de euros em vendas e o mercado externo representou cerca de 70% do volume de negócios do grupo, destacando-se países como a Alemanha, França, Espanha, Itália, EUA e Brasil.

Ronaldo investe na Vista Alegre

Nuno Terras Marques, presidente do conselho de administração da Vista Alegre e do Grupo Visabeira Grupo Visabeira

Da hotelaria às porcelanas, os negócios de CR7 que geram milhões fora dos relvados

Além das porcelanas, Cristiano Ronaldo conta com um ‘portfólio’ de investimentos diversificado, passando pela hotelaria, estética, saúde, e comunicação social, movimentando milhões por ano. A todos estes negócios, soma-se a sua principal atividade profissional: o futebol. Ronaldo tem um contrato de mais de 200 milhões de euros por ano, até 2025, com Al Nassr, clube saudita.

Há menos de um ano, foi confirmada a entrada do futebolista na, à data, Cofina Média, que passou a chamar-se Medialivre, que agrega títulos como o Correio da Manhã, Record, Jornal de Negócios, Sábado, TV Guia, Flash e Máxima. Com este investimento, Ronaldo também controla parte do canal NewsNow, que é lançado esta segunda-feira, dia 17 de junho. Ainda em 2023, o madeirense adquiriu uma participação na Chrono24, uma plataforma de vendas ‘online’ de relógios de luxo, que chegam a ultrapassar os 500.000 euros.

Já em 2021, CR7 tinha apostado numa área de negócio alternativa ao entrar no capital da Insparya, grupo, até então conhecido como Saúde Viável, que se dedica à área da saúde, nomeadamente aos transplantes capilares. As unidades portuguesas de Lisboa, Porto e Vilamoura adotam, assim, o nome da clínica de Madrid, aberta em março de 2019, fruto da sociedade formada entre o grupo e Cristiano Ronaldo, detida em 50% por cada uma das partes. A Insparya tem clínicas em Braga, Lisboa, Porto, Quarteira, Viseu, Barcelona, Bilbau, Madrid, Marbella, Valência, Milão e Moscate.

Investimentos de Ronaldo em Portugal

Cristiano Ronaldo, capitão da seleção nacional de futebol Getty images

Foi também em 2021, que o futebolista abriu, em parceria com a norte-americana Crunch, três ginásios no Porto. Os ginásios CR7 Fitness by Crunch estão hoje em Aveiro, Badajoz, Madrid, Grandia, Jaén, Matosinhos, Prelada, Porto, Rivas e Valência.

A chegada de Ronaldo ao mundo da hotelaria aconteceu em 2016, quando foi anunciada uma ‘joint venture’ de 75 milhões de euros entre o grupo Pestana e Cristiano Ronaldo para a construção de quatro novos hotéis – Funchal, Lisboa, Madrid e Nova Iorque -, e criação da marca Pestana CR7 Lifestyle Hotels, dedicada aos ‘millenials’ (geração que nasceu entre 1981 e 1996). Cerca de dois anos depois, o CR7 Pestana chegou a Marrocos e a sua expansão não fica por aqui, estando a nascer uma unidade em Paris, num investimento de mais de 60 milhões de euros.

Uma das parcerias mais antigas de Ronaldo é a Herbalife, empresa de saúde e bem-estar, com a qual já trabalha há mais de 10 anos, dando a cara por produtos destinados a melhorar a nutrição e o desempenho desportivo.

Hotéis Pestana de Ronaldo

Google Maps

Ronaldo, que é dono das empresas CR7 Lifestyle e CR7 SA, através das quais detém algumas destas participações, tem ainda o seu nome ligado a negócios como a marca de água mineral URSU, a aplicação de fitness e nutrição Erakulis, além de ter coleções de óculos de sol (CR7 Eyewear), roupa interior (CR7 Underware), perfumes (CR7 Fragances) e calçado (CR7 Footwear).

O futebolista conta também com parcerias com a Nike, 7EGEND, zujuGP, Clear, Binance, Free Fire, UFL, Domum Septem, MTG, Jacob & Co e Whoop.

Com mais de 630 milhões de seguidores no Instagram e 170 milhões no Facebook, o jogador português, que não dá sinais de querer abrandar, tem vindo a ser a aposta de muitas empresas para campanhas publicitárias, com as quais chega a faturar perto de 90 milhões de euros.